Conheça a hidrolipoclasia!

Conheça a hidrolipoclasia!

Conheça a hidrolipoclasia!

A hidrolipoclasia é uma técnica utilizada para o tratamento da gordura em excesso, distribuída nas diversas áreas do corpo. Abdômen inferior e superior, cintura, região ao redor do umbigo, culotes, região infra glútea, costas, coxas, pernas, braços, embaixo do queixo, e outras áreas que podem ser submetidas a este tratamento.

O processo consiste na injeção de uma solução fisiológica diluída inchando a área tratada. As células de gordura (adipócitos) absorvem o líquido e aumentam de volume, tornando a parede desta célula gordurosa mais fina. Após esta infusão e consequente aumento das células adiposas aplica-se um ultrassom apropriado que promove pela ação das ondas ultrassônicas uma vibração que gera rompimento na membrana das células de gordura, que já estava mais fina, com consequente rompimento das células. Esta gordura fica dispersa no liquido intracelular e é absorvida e metabolizada pelo organismo.

A quantidade de gordura eliminada varia de paciente para paciente. De um modo geral, os pacientes diminuem aproximadamente 1 a 2 centímetros no abdômen por sessão sendo maior a resposta nos culotes. De modo geral se faz meia dúzia de sessões para se ter uma boa resposta.

Felizmente, o procedimento é minimamente invasivo, com a infusão utilizando-se apenas de seringas e agulhas, normalmente utilizadas para dar medicação ao paciente. Não há necessidade de qualquer sedação, pois a dor é a de uma injeção normal. É necessária a realização de uma consulta anterior e alguns exames laboratoriais.

Para o período pós procedimento, é necessário que o paciente retome as atividades comuns sem forçar muito o corpo. Deve se evitar atividades físicas nos primeiros cinco a sete dias. O ideal é que o aluno reinicie com alguns exercícios leves, sem carga, e após duas a três semanas, voltar ao seu ritmo normal de exercícios físicos. A utilização de cinta modeladora imediatamente após o tratamento aumenta a eficiência do processo. Uma boa drenagem linfática manual, associado ou não ao ultrassom também otimiza o resultado.

É um procedimento muito semelhante à lipoaspiração e o principal problema, além do pós-operatório, são as cicatrizes que frequentemente apresentam retrações e alterações importantes de contorno.

Procedimento também realizado também por cirurgiões plásticos em que, primeiramente, é injetado soro fisiológico, anestésicos associados ou não a substâncias lipolíticas. Em uma segunda etapa, também é utilizado o ultrassom para intensificar a ruptura da membrana celular e mobilizar uma maior quantidade de gordura. A diferença é que há aspiração, após o ultrassom, o que exige anestesia ou sedação, tem maior risco de infecção e necessita de cuidados pré e pós-procedimento e o resultado é praticamente o mesmo. As cicatrizes são semelhantes às da lipoaspiração.

Veja as nossas publicações em destaque!

Entre em contato
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Endereço Omega4 Estúdio do Corpo
Rua Osório Duque Estrada, 35 - Paraíso - São Paulo
11 2386-9717 | Whatsapp 11 94048-3704
contato@omega4.com.br