Carboxiterapia na Estética

Ao ser injetado no organismo, causa efeitos fisiológicos estimulando circulação sanguínea. A resposta inflamatória diante uma “agressão” física é imediata e desencadeia uma série de eventos no tecido com o objetivo de cicatrizar e reconstituir o tecido lesado.

A carboxiterapia pode ser aplicada no tratamento de diferentes partes do corpo visando o tratamento para:

  • Gordura Localizada
  • Tratamento da Celulite
  • Tratamento de Estrias
  • Flacidez
  • Rejuvenescimento facial
  • Queda do Cabelo
  • Rugas
  • Fibroses pós Lipoaspiração
  • Olheiras

Para a Celulite, a ingestão do gás aumenta o metabolismo local causado pelo aumento da circulação local, eliminando toxinas celulares, reduzindo o inchaço e estimulando a queima de gordura.

No caso da Estria, o gás carbônico atua distendendo o tecido desta cicatriz - a elevação visível durante o tratamento. O descolamento preenche essa região de gás carbônico e estimula a formação de colágeno no local.

Na Gordura Localizada, a Carboxiterapia promove a destruição mecânica da célula de gordura causada pela expansão do gás e pela vasodilatação local. Esses dois efeitos combinados aceleram o fluxo sanguíneo, estimulam a microcirculação, elevam a oferta de oxigênio e renovação celular, e aumentam a produção de fibras colágenas. O resultado é mais firmeza e sustentação à pele.

O método não é indolor, causando um ardor localizado bastante tolerável, permanecendo enquanto é realizada a aplicação.

Solicitar mais informações
omega4omega4omega4